52º Dia Mundial das Comunicações

Celebração do Dia Mundial das Comunicações

Santa Missa na Igreja de Fátima celebrará o 52º Dia Mundial das Comunicações

No dia 13 de maio, domingo da Ascenção do Senhor, será celebrado o quinquagésimo segundo Dia Mundial das Comunicações- DMC – que este ano tem como tema “A verdade vos tornará livres” e como o lema “Fake News e jornalismo de paz”.

Como o dia 13 será também o dia das mães, a coordenação arquidiocesana da Pascom celebrará o Dia Mundial das Comunicações  no sábado, dia 12, em três momentos importantes:

– pela manhã, das 9 às 12 horas, a jornalista e mestra Andrea Pinheiro falará sobre o tema da mensagem do papa na Paulinas Livraria;

– à tarde, a partir das 14 horas na Paróquia Jesus, Maria, José, no bairro Antônio Bezerra, falarão sobre o tema as jornalistas Aline Herculano, Romana Melo e Evelane Barros;

– às 17 horas, no Santuário Nossa Senhora de Fátima, haverá a santa missa para os comunicadores. São convidados a participar todos os profissionais de comunicação e os membros da pastoral da Comunicação da Arquidiocese de Fortaleza.

A Região Nossa Senhora da Assunção celebrará o Dia Mundial das Comunicações no dia 26, das 17 às 19 horas na paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, no Carlito Pamplona, com reflexão “Comunicação a serviço do evangelho”, exposição sobre os trabalhos da Pascom na Região, estudo do Diretório de Comunicação, a mensagem do Papa Francisco para o DMC 2018, Karaokê de músicas católicas e Santa Missa.

Um pouco da História

Na Arquidiocese de Fortaleza os primeiros registros de Pastoral da Comunicação datam de 20 de junho de 1987, embora as iniciativas de comunicação tenham iniciado com o seu primeiro Arcebispo, Dom Manoel da Silva Gomes e a fundação do jornal “O Nordeste”, no dia 29 de junho de 1922. Assim também, seus sucessores contribuíram significativamente com a evangelização através dos meios de comunicação.

Dom Antônio de Almeida Lustosa fundou, em 11 de fevereiro de 1962, a Rádio Assunção, a primeira emissora religiosa da capital cearense e escrevia para jornais locais. Dom José de Medeiros Delgado criou o Setor de Opinião Pública e iniciou o programa radiofônico Encontro com o Pastor, onde abordava vários assuntos. Mantinha coluna em vários jornais e não só em O Nordeste. Ficaram celebres suas “Conversas Avulsas” em que abordava semanalmente os assuntos mais prementes. E, ainda, no ano de 1972 tem início a transmissão da Missa da TV na antiga TV Ceará, canal 2, que integrava o Grupo Diários Associados, passando a ser transmitida pela TV Educativa ou TV Ceará – canal 5, no domingo seguinte à sua inauguração, no dia 7 de março de 1974 que continua no ar até hoje, aos domingos, às 8 horas.  Dom Aloísio Lorscheider  transformou o Setor de  Opinião Pública em Setor de Comunicação. Posteriormente criou a Pastoral da Comunicação, em 1987 aproximou a Arquidiocese dos veículos de comunicação, motivou a criação do Boletim Arquidiocesano ação e de boletins informativos paroquiais, rádios comunitárias e leitura crítica da comunicação. Dom Cláudio Hummes iniciou o aparelhamento do Setor e o programa Vida Missionária, na Rádio Dom Bosco.

Dom José Antonio Aparecido Tosi Marques, atual Arcebispo, criou o Site com suas  mídias digitais e tem motivado a consolidação da Pascom nas Paróquias de Fortaleza.   Atualmente mais de 100 paróquias têm um grupo de Pastoral da Comunicação.

 

http://www.arquidiocesedefortaleza.org.br/atualidades/destaques/celebracao-do-dia-mundial-das-comunicacoes/

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *